Pular para a Navegação Principal
Jovens Menu

Seus Deveres no Sacerdócio Aarônico

Paul VanDenBerghe Revistas da Igreja

Você foi ordenado ao Sacerdócio Aarônico. O que deve fazer agora?

Talvez você seja um novo diácono, recém-ordenado domingo passado, ou um mestre que ajuda a preparar o sacramento todas as semanas. Ou talvez seja um sacerdote experiente, conhecedor dos projetos de serviço e pronto a orientar os mestres e diáconos mais jovens em suas novas responsabilidades. Mas todos os portadores do sacerdócio têm um chamado em comum do Senhor: “Portanto agora todo homem aprenda seu dever e a agir no ofício para o qual for designado com toda diligência” (D&C 107:99).

Mas onde você pode aprender mais sobre esse dever? O primeiro lugar para procurar deve ser as escrituras. Especificamente, convém estudar as seções de Doutrina e Convênios onde os deveres do Sacerdócio Aarônico são descritos : seção 20:46–60, 72–79; e seção 84:111 .

Outro excelente recurso é o livreto Cumprir Meu Dever para com Deus: Para os Portadores do Sacerdócio Aarônico. Esse livreto divide suas responsabilidades do sacerdócio em três seções: (1) “Administrar as Ordenanças do Sacerdócio”, (2) “Servir ao Próximo” e (3) “Convidar Todos a Virem a Cristo”. Na seção “Deveres do Sacerdócio”, para cada ofício — diácono, mestre e sacerdote — você encontrará escrituras adicionais para o estudo e sugestões para fazer seu próprio plano que o ajudará a compreender melhor seus deveres no sacerdócio.

Repassemos brevemente algumas das principais responsabilidades dos portadores do Sacerdócio Aarônico.

Diáconos

O diácono deve dar um bom exemplo aos companheiros de quórum e aos demais membros da Igreja. Ele leva uma vida justa e permanece digno de exercer o sacerdócio.

Distribui o sacramento. Esse é um dos deveres mais sagrados de um diácono. Ao cumpri-lo, o diácono é um representante do  Senhor. Deve ser digno de oferecer os emblemas do sacramento aos membros da Igreja. Deve vestir-se e agir de modo a refletir a natureza sagrada do sacramento. Se possível, deve usar camisa branca.

O diácono serve como ministro “[designado] para zelar pela igreja” (D&C 84:111). Também deve “admoestar, explicar, exortar e ensinar e convidar todos a virem a Cristo” (D&C 20:59). Essa responsabilidade inclui integrar os membros do quórum e outros Rapazes, avisar os membros das reuniões da Igreja, discursar em reuniões, compartilhar o evangelho e prestar testemunho.

Ajuda o bispo a “administrar (…) as coisas materiais” (D&C 107:68).  Essa responsabilidade pode incluir coletar ofertas de jejum, cuidar dos pobres e necessitados, cuidar da capela e de toda a propriedade e servir como mensageiro do bispo nas reuniões da Igreja.

Ele participa das aulas do quórum como aprendiz dedicado do evangelho. Outros deveres incluem ajudar os membros a suprir suas necessidades materiais,  preparar-se para o serviço missionário e realizá-lo, apoiar e ajudar o presidente do quórum, ativar os rapazes em idade de quórum e aprender o evangelho.

Mestres

O mestre tem todas as responsabilidades de um diácono, Tem também as seguintes responsabilidades:

Ele prepara o sacramento. Os mestres têm a responsabilidade de sempre preparar o sacramento para a reunião sacramental. Preparar o sacramento é um bom exemplo de servir sem esperar elogios por isso. Muitas vezes os membros nem percebem que os mestres preparam o sacramento, mas ainda assim o serviço é realizado, e o Senhor Se alegra porque se trata de um serviço verdadeiro.

“O dever do mestre é zelar sempre pela igreja, estar com os membros e fortalecê-los” (D&C 20:53). Uma forma de fazê-lo é servir como mestre familiar.

Deve “certificar-se que não haja iniquidade na igreja nem aspereza entre uns e outros nem mentiras, maledicências ou calúnias” (D&C 20:54). Essa responsabilidade inclui ser um pacificador, ajudando os membros a se relacionarem bem uns com os outros. Deve incentivar as pessoas a sua volta a sempre verem o que há de bom nos outros.

Deve “certificar-se que a igreja se reúna amiúde e também certificar-se que todos os membros cumpram seus deveres” (D&C 20:55). Parte dessa responsabilidade consiste em convidar as pessoas a irem à Igreja.

Sacerdotes

Um sacerdote tem todas as responsabilidades de um diácono e um mestre. Tem também as seguintes responsabilidades:

Oficiar à mesa do sacramento. A honra de administrar o sacramento é concedida aos sacerdotes, que fazem as orações sacramentais. O sacerdote deve conhecer bem as orações sacramentais, vestir-se adequadamente e lavar as mãos antes de realizar essa ordenança. Acima de tudo, os sacerdotes devem ser dignos de realizar essa ordenança sagrada como representantes do Salvador.

Outro dever dos sacerdotes é batizar quando autorizados pelo bispo ou presidente de ramo (ver D&C 20:46). O batismo pela devida autoridade é uma das ordenanças mais importantes e sagradas da Igreja, pois é por meio dela que nos tornamos membros da Igreja, somos perdoados de nossos pecados e entramos no caminho que conduz ao reino celestial.

“O dever do sacerdote é pregar, ensinar, explicar [e] exortar” (D&C 20:46). Isto quer dizer que um sacerdote é chamado para ensinar aos outros os princípios do evangelho. E, a fim de ensinar os princípios do evangelho, é claro que primeiro ele precisa aprendê-los. Essa responsabilidade será de grande valia em sua preparação para servir uma missão de tempo integral.

Ele deve “visitar a casa de todos os membros, exortando-os a orarem em voz alta e em segredo e a cumprirem todas as obrigações familiares” (D&C 20:47). O sacerdote faz isso ao cumprir sua responsabilidade como mestre familiar e visitar as famílias que lhe são confiadas.

Ele tem a autoridade de conferir o Sacerdócio Aarônico e ordenar outros sacerdotes, mestres e diáconos, mas somente quando autorizado pelo bispo ou presidente de ramo (ver D&C 20:48). O poder de conferir o Sacerdócio Aarônico é sagrado.

As Moças e o Sacerdócio

Embora a autoridade do sacerdócio seja concedida apenas a membros dignos da Igreja do sexo masculino, as bênçãos do sacerdócio estão ao alcance de todos — e são as mesmas para homens e mulheres, meninas e meninos, ricos e pobres. Todos os filhos de Deus têm o privilégio de receber as mesmas ordenanças salvadoras do sacerdócio.

Como filhas escolhidas de Deus, todas as jovens que foram batizadas também receberam o dom do Espírito Santo. Elas têm o direito de buscar dons espirituais e serem abençoadas por eles, tais como o “dom de línguas, profecia, revelação, visões, cura, interpretação de línguas, etc.” (Regras de Fé 1:7). À medida que as Moças levam uma vida justa e se empenham para servir ao próximo recebendo e desenvolvendo esses dons do Espírito, seu bom exemplo será uma forte influência sobre os Rapazes a sua volta.

Como as Moças podem ajudar os Rapazes a serem portadores do sacerdócio dignos? Um rapaz respondeu: “Acho que duas das coisas mais importantes que elas podem fazer é vestirem-se com recato e serem gentis com todos. O vestuário recatado me ajuda a manter meus pensamentos sob controle e posso olhar para elas tranquilamente ao conversar!”

O Pai Celestial o Ajudará

Ao compreender e cumprir seus deveres no sacerdócio, vocês diáconos, mestres e sacerdotes sentirão a alegria resultante de administrar as ordenanças do sacerdócio, servir ao próximo e convidar todos a virem a Cristo. Em sua mensagem aos portadores do Sacerdócio Aarônico, a Primeira Presidência escreveu: “O Pai Celestial deposita grande confiança em você e tem uma importante missão para você cumprir. Ele o ajudará quando buscá-Lo em oração, ouvir a orientação do Espírito, obedecer aos mandamentos e cumprir os convênios que fez” (Cumprir Meu Dever para com Deus, [2010], p. 5).

Mais sobre os Deveres do Sacerdócio

Visite DutytoGod.LDS.org para ter acesso a informações, vídeos e histórias sobre os deveres do sacerdócio e o Dever para com Deus.

Erro no envio de formulário. Certifique-se de que todos os campos estejam preenchidos corretamente e tente novamente.

 
1000 caracteres restantes