Pular para a Navegação Principal
  • Imprimir
Dever para com Deus

Como posso conhecer meu Pai Celestial?

O Pai Celestial nos ama e quer que nos aproximemos Dele. Ele nos deu a oportunidade de orar a Ele e prometeu que ouvirá e responderá a nossas orações. Também podemos vir a conhecê-Lo ao estudarmos as escrituras e as palavras dos profetas modernos e nos esforçarmos por tornar-nos mais semelhantes a Ele, fazendo Sua vontade.

Preparar-se espiritualmente

Ao estudar as escrituras e outros recursos sobre vir a conhecer o Pai Celestial, procure coisas que ajudariam os rapazes a sentir que o Pai Celestial os ama e quer que se acheguem a Ele.

João 17:3 (Conhecer o Pai Celestial e Jesus Cristo leva à vida eterna)

I João 2:3–5 (Conheceremos a Deus, se guardarmos Seus mandamentos)

I João 4:7–8 (O amor ao próximo nos ajuda a conhecer a Deus)

2 Néfi 32:9; Enos 1:1–7; Alma 34:17–28; 37:37 (A oração pode ajudar-nos a nos achegar ao Pai Celestial)

Mosias 4:9–12 (O rei Benjamim descreve como crescer em nosso conhecimento de Deus)

Mosias 5:13 (Servir a Deus nos ajuda a conhecê-Lo melhor)

Alma 30:44 (Todas as coisas mostram que existe um Deus)

D&C 88:63 (Se nos aproximarmos de Deus, Ele Se achegará a nós)

M. Russell Ballard, “Pais e Filhos: Um Relacionamento Extraordinário”, A Liahona, novembro de 2009, p. 47

Cumprir Meu Dever para com Deus, 2010, pp. 14–15, 38–39, 62–63

Vídeo: "Ele Me Conhece", “Cumprir Seu Dever para com Deus

Deixar os rapazes liderarem

Um membro da presidência do quórum dirige a reunião do quórum. Ele lidera os rapazes ao reunirem-se em conselho para tratar dos assuntos do quórum, ensina-lhes os deveres do sacerdócio (usando as escrituras e o livreto Dever para com Deus) e convida um consultor ou outro membro do quórum para ensinar uma lição do evangelho. Ele pode preparar-se preenchendo a agenda da reunião do quórum durante a reunião de presidência.

Iniciar a experiência de aprendizado

Escolha dentre as seguintes sugestões, ou crie suas próprias, para revisar a lição da semana passada e apresentar a desta semana:

  • Peça a cada rapaz que contribua com uma única palavra para criar uma frase que resuma a lição da semana passada. Escreva as frases na lousa.
  • Com a permissão do bispo, convide o pai de um dos membros do quórum para compartilhar seus sentimentos sobre ser pai. Ele poderia falar sobre como se sente sobre seu filho, o que espera que seu filho alcance na vida e como espera ajudá-lo a ter sucesso. Peça aos rapazes que comparem o que o pai disse com o modo como o Pai Celestial Se sente sobre eles.

Aprender juntos

O propósito desta lição é ajudar cada rapaz a estabelecer um padrão pessoal de oração e estudo das escrituras. Dê tempo aos rapazes durante a reunião do quórum para escrever planos em seus livretos Dever para com Deus. Incentive-os a compartilhar seus planos uns com os outros e, em futuras reuniões do quórum, convide-os a compartilhar como a oração e o estudo pessoal das escrituras estão fortalecendo seu relacionamento com Deus.

  • Como parte de seus planos do Dever para com Deus, os rapazes podem ter feito planos para o estudo pessoal das escrituras. Esta lição pode ser uma boa ocasião para que os rapazes compartilhem o que têm feito em seus planos e o que estão aprendendo com o estudo das escrituras (ver Dever para com Deus, pp. 14–15, 38–39, 62–63). Eles também podem revisar seus planos, se necessário. Peça aos rapazes que falem sobre como seus hábitos de oração e estudo das escrituras os têm ajudado a melhorar seu relacionamento com o Pai Celestial.
  • Convide os rapazes a pensar em alguém que conhecem muito bem. O que fizeram para conhecer essa pessoa? Pergunte-lhes o que acham ser a diferença entre conhecer o Pai Celestial e ouvir falar sobre Ele. Escreva as seguintes referências das escrituras na lousa e peça aos rapazes que as procurem e identifiquem como podemos vir a conhecer melhor o Pai Celestial: I João 2:3–5; 4:7–8; Mosias 4:9–12; 5:13; Alma 30:44. Convide os rapazes a compartilhar o que aprenderam e como se sentiram mais perto do Pai Celestial por seguir os conselhos dados nessas escrituras.
  • Mostre o vídeo “Cumprir Seu Dever para com Deus” e peça que os rapazes identifiquem como as experiências retratadas no vídeo ajudaram a eles e a outras pessoas a vir a conhecer melhor o Pai Celestial. Peça aos rapazes que compartilhem seus pensamentos sobre como cumprir seu Dever para com Deus os ajuda a fortalecer seu relacionamento com Ele.
  • Convide os rapazes a ler as três sugestões do Élder M. Russell Ballard para os filhos em seu discurso “Pais e Filhos: Um Relacionamento Extraordinário” (ou mostre o vídeo “Pais e Filhos”). Em que ocasião fazer uma dessas coisas os ajudou a sentir-se mais perto de seus pais? Peça-lhes para compartilhar maneiras pelas quais podem aplicar o conselho do Élder Ballard ao relacionamento que têm com o Pai Celestial.
  • Debata maneiras pelas quais os rapazes se comunicam com as pessoas hoje em dia. Como nos comunicamos com o Pai Celestial? Como Ele Se comunica conosco? O que podemos fazer para melhorar nossa comunicação com Ele? Convide cada rapaz a ler uma das seguintes escrituras sobre a oração: 2 Néfi 32:9; Enos 1:1–7; Alma 34:17–28; 37:37. Convide os membros do quórum a dizer o que aprenderam. Qual é a relação existente entre a oração e vir a conhecer o Pai Celestial? Convide os rapazes a abrir o livreto Dever para com Deus na página 15 (diáconos), 39 (mestres) ou 63 (sacerdotes) e fazer planos para melhorar suas orações diárias.

Convide os rapazes a dizer o que aprenderam hoje. Quais são os sentimentos ou as impressões que eles têm? Eles entendem como podem conhecer o Pai Celestial? Eles têm mais alguma pergunta? Seria útil passar mais tempo discutindo essa doutrina?

Convidar a agir

O membro da presidência do quórum que dirige a reunião, a encerra. Ele pode:

  • Compartilhar seus planos para melhorar as orações pessoais deles.
  • Incentivar os rapazes a cumprir os planos que fizeram hoje e estar preparados para compartilhar em uma futura reunião do quórum como esses planos melhoraram o relacionamento deles com o Pai Celestial.