Pular para a Navegação Principal
  • Imprimir

Princípios para Ensinar os Jovens

Como você coloca em prática os princípios da maneira de ensinar do Salvador? Eis algumas sugestões simples. Para mais informações, ver Manual 2: Administração da Igreja, 2010, 1.4, 3.2.

Fortalecer a Família

O lugar ideal para os jovens aprenderem e viverem o evangelho é o lar, sob a orientação amorosa de pais justos. Um lar centralizado em Cristo proporciona aos jovens uma melhor preparação para receber as ordenanças sagradas do evangelho. (Ver Ensino, Não Há Maior Chamado, pp. 127–143.)

Por esse motivo, as auxiliares, as atividades e os programas da Igreja (inclusive os livretos Dever para com Deus e Progresso Pessoal, Para o Vigor da Juventude e os materiais curriculares dos jovens) existem para apoiar os pais na tarefa de ajudar seus filhos e suas filhas a converterem-se ao evangelho de Jesus Cristo.

Preparação Espiritual

O Senhor ordenou: “Primeiro procura obter minha palavra” (D&C 11:21). Estudar sozinho a doutrina que vai ensinar é parte da preparação espiritual. O Espírito vai orientá-lo(a) a ensinar o que será mais relevante e útil para os jovens. Então, ao esforçar-se para viver o que ensina, você poderá prestar testemunho da veracidade do evangelho por meio de sua própria experiência. (Ver Ensino, Não Há Maior Chamado, pp. 12–20.)

Reunir-se em Conselho

Ajudar os jovens a converterem-se exige os esforços combinados dos pais, líderes, consultores e professores, inclusive dos professores do seminário. Aconselhem-se sobre as necessidades dos jovens. Descubra o que estão aprendendo em casa, na Igreja e no seminário para que possa reforçá-los quando os ensinar. Com a participação de todos, você poderá criar uma experiência de aprendizado muito mais vigorosa para os jovens do que conseguiria separadamente.

Há muitas oportunidades para os pais, professores, consultores e líderes se aconselharem. Aqui estão alguns exemplos:

  • Reuniões de liderança, tais como o conselho da ala ou as reuniões do comitê da juventude do bispado.
  • Reuniões breves e informais, antes ou depois das reuniões regulares da Igreja.
  • Comunicar-se por telefone ou e-mail.

Ministrar aos Jovens

Ensinar os jovens significa mais do que apenas transmitir informações. O ensino cristão envolve orientação e incentivo aos jovens em seu esforço pessoal de viver o evangelho na vida diária. Isso pode significar que precisarão de ajuda em outros momentos além das atividades agendadas, aulas e reuniões regulares.

Tente amar os jovens como o Pai Celestial os ama. Ele vê o que há de melhor neles; Ele é paciente à medida que crescem. Ele os incentiva, mesmo quando se esforçam para fazer o que é certo, e Ele nunca desiste. (Ver Ensino, Não Há Maior Chamado, pp. 31–39.)

Ensinar o Evangelho

Em todo o ensino do evangelho, o Espírito é o verdadeiro professor. Se buscar a Sua orientação, Ele vai tocar seu coração e inspirar seus alunos.

Uma das melhores maneiras de convidar o Espírito é envolver os jovens no debate sobre as escrituras e nos mais recentes ensinamentos dos profetas vivos. Os esboços de aprendizado online vão ajudá-lo(a) a encontrar os recursos mais importantes.

Muitas vezes os jovens têm suas próprias experiências espirituais e pontos de vista para compartilhar. Eles podem fazer isso na noite familiar, nas aulas ou nas reuniões do quórum, nas atividades da Mutual, como convidados na Primária, ou em muitas outras ocasiões formais e informais. Quando compartilham seu testemunho uns com os outros, o Espírito presta testemunho, e todos são edificados. (Ver Ensino, Não Há Maior Chamado, pp. 50–59.)