Mensagem das Professoras Visitantes

Autossuficiência

Ouvir Baixar Imprimir Compartilhar

Estude este material em espírito de oração e, conforme julgar conveniente, discuta-o com as irmãs que você visita. Use as perguntas para ajudar no fortalecimento das irmãs e para fazer com que a Sociedade de Socorro seja parte ativa de sua própria vida. Acesse reliefsociety.LDS.org para mais informações.

Autossuficiência é a capacidade, o compromisso e o esforço de satisfazer as necessidades espirituais e materiais da vida para si próprio e a família.1

Ao aprendermos e aplicarmos os princípios da autossuficiência em nosso lar e nossa comunidade, teremos oportunidades de cuidar dos pobres e necessitados e de ajudar as pessoas a tornarem-se autossuficientes a fim de enfrentarem momentos de adversidade.

Temos o privilégio e o dever de utilizar nosso arbítrio para tornar-nos espiritual e temporalmente autossuficientes. Ao falar de autossuficiência espiritual e nossa dependência do Pai Celestial, o Élder Robert D. Hales, do Quórum dos Doze Apóstolos, ensinou: “Tornamo-nos convertidos e espiritualmente autossuficientes quando cumprimos fervorosamente nossos convênios — partilhando dignamente o sacramento, sendo dignos de uma recomendação para o templo e sacrificando-nos a serviço do próximo”.2

O Élder Hales instou-nos a tornar-nos materialmente autossuficientes, o “que inclui adquirir instrução superior ou formação profissional, aprender a trabalhar e viver dentro de seus recursos. Evitando dívidas e economizando agora, estaremos preparados para o serviço de tempo integral na Igreja, nos anos vindouros. O propósito da autossuficiência tanto temporal quanto espiritual é elevar-nos a uma posição melhor para que possamos erguer outros que passam necessidades”.3

De Nossa História

Depois que os santos dos últimos dias se reuniram no Vale do Lago Salgado, que era um deserto isolado, o Presidente Brigham Young desejava que eles prosperassem e estabelecessem lares permanentes. Para isso os santos precisavam aprender técnicas que lhes permitissem tornar-se autossuficientes. Nesse empenho, o Presidente Young tinha grande confiança na capacidade, nos talentos, na fidelidade e na disposição das mulheres e as incentivou em deveres temporais específicos. Embora os deveres específicos das irmãs da Sociedade de Socorro sejam diferentes hoje, os princípios permanecem constantes:

  1. 1.

    Aprendam a amar o trabalho e a evitar a ociosidade.

  2. 2.

    Adquiram um espírito de sacrifício pessoal.

  3. 3.

    Aceitem a responsabilidade pessoal pela força espiritual, saúde, educação, pelo emprego, pelas finanças, pela alimentação e por outras necessidades para sustento da vida.

  4. 4.

    Orem pedindo fé e coragem para enfrentar os desafios.

  5. 5.

    Fortaleçam outras pessoas que precisarem de auxílio.4

Exibir Referências

    Notas

  1.   1.

    Ver Manual 2: Administração da Igreja, 2010, 6.1.1.

  2.   2.

    Robert D. Hales, “Lembrar Quem Somos: O Sacramento, o Templo e o Sacrifício no Serviço”, A Liahona, maio de 2012, p. 34.

  3.   3.

    Robert D. Hales, “Lembrar Quem Somos”, p. 34.

  4.   4.

    Ver Filhas em Meu Reino: A História e o Trabalho da Sociedade de Socorro, 2011, p. 55.